7 truques para melhorar o relacionamento interpessoal

7 truques para melhorar o relacionamento interpessoal

Os relacionamentos interpessoais não são fáceis, mas às vezes são mais simples do que você pensa. Algumas pessoas não conseguem interagir com outras de forma adequada devido à timidez, enquanto outras são propensas a conflitos, talvez devido a um ambiente familiar em que nunca houve bons relacionamentos. Isso dá origem e prolonga-se ao longo do tempo, controvérsias que não levam a nada de bom ou à desconfiança e preocupação para com os outros.

A capacidade ou incapacidade de estabelecer boas relações pessoais não é inata: é verdade que existem algumas predisposições genéticas que nos tornam mais ou menos extrovertidos, mais ou menos sociáveis, mas isso não é decisivo. Na verdade, aprendemos a interagir adequadamente com os outros. Para fazer isso, você precisa desenvolver algumas habilidades que estejam ao alcance de todos.

Também podemos usar alguns truques para simplificar esse aprendizado. São pequenos truques muito fáceis de implementar e eficazes em nosso propósito de melhorar o relacionamento interpessoal. Nós os apresentamos a seguir.



'O ingrediente mais importante na fórmula para o sucesso é saber como se sentir confortável com as pessoas'

-Theodore Roosevelt-

Truques para melhorar o relacionamento interpessoal

Treine suas habilidades de escuta

A atividade auditiva não se limita - não deveria - a ficar em silêncio enquanto o outro fala. Vai muito mais longe: significa voltar a nossa atenção para o conteúdo e a forma da mensagem que o outro tenta passar para nós. Não se trata de ficar calado, mas de seguir parte de um caminho que nos leva a nos ligar ao que o outro diz, sugere ou insinua. Não se trata nem de silenciar o nosso diálogo interno , mas sim direcioná-lo para o que eles estão nos dizendo.

Para desenvolver habilidades de escuta, não há nada melhor do que ouvir. Mas então como? Vamos tentar ficar em silêncio, simplesmente tentando entender o que eles nos dizem. Inicialmente será necessário um esforço consciente para que nossa atenção não diminua, depois de segurar nossa mão, porém, a tentação de vagar não será tão forte.

presión arterial baja y dolor de cabeza

Mulher treinando habilidades de escuta para melhorar o relacionamento interpessoal

Implementar empatia

Escuta ativa e empatia eles andam de mãos dadas. Voltando toda a nossa atenção para a mensagem que eles estão tentando transmitir nos permite entendê-la de acordo com o contexto da outra pessoa e não de acordo com o nosso. Empatia é apenas isso: ser capaz de se colocar no lugar dos outros, entendendo o processo que os leva a pensar e agir de acordo com seus próprios critérios.

Empatia, portanto, requer uma atitude aberta em vez de crítica. Somos todos únicos e fazemos o que fazemos por motivos que muitas vezes nos escapam. Com que direito podemos nos colocar em um sindicato? Nesse sentido, você perde muito quando não consegue estabelecer empatia. Perde-se o aprendizado, o crescimento e a oportunidade de melhorar o relacionamento interpessoal.

Confie no que você faz e diz

A autoconfiança transmite confiança nos outros. O contrário também acontece: quando alguém parece duvidoso ou inseguro, ativa uma resposta defensiva do ouvinte. Não é difícil ter certeza: basta dar uma chance à pessoa que você é; sem esquecer que, dentro da pessoa que se é, está também o oculto que se gostaria de ser.

Mulher que confia em si mesma

O medo é uma das emoções que mais pode tornar a comunicação tensa e, portanto, em determinados contextos, um obstáculo às relações interpessoais. Em muitas ocasiões, para remover o gripe , apenas um pouco de treinamento é necessário. Para fazer isso, tentamos evitar que nossa comunicação domine as pausas, procurando a conversa ao invés do discurso ou monólogo.

Não precisamos nos tornar pessoas falantes, muito espertas ou engraçadas. Simplesmente temos que encontrar naturalidade na comunicação. Por exemplo, um discurso muito confuso pode ser interpretado pelo ouvinte como uma tentativa de esconder algo, enquanto a única coisa que tentamos esconder é que temos medo de nos mostrar como somos. Porque?

Sorria sempre sorria

Dizer que um sorriso abre muitas portas pode parecer um clichê, um clichê. Isso não significa que deva ser considerado falso. O sorriso quebra barreiras, constrói um clima emocional de afeto e ajuda a aliviar tensões. Entre outras coisas, é gratuito.

Para nos motivar, pensamos que o sorriso é um sinal de paz e aceitação : um gesto afetuoso que representa a melhor receita para uma boa comunicação. Um gesto que quebra o gelo e convida à confiança. Nada melhor, para melhorar o relacionamento interpessoal, do que iniciar cada novo encontro com um sorriso . Vários estudos mostraram que as pessoas têm muito mais confiança em se aproximar de alguém que sorri do que de alguém que não sorri.

Boas maneiras

Os bons modos nunca saem de moda nem deixam de ser a chave para as portas mais importantes. Além disso, com a prática, ganha-se naturalidade, deixando de transmitir a sensação de artificialidade que muitos interpretam como falsidade, ao invés de respeito e consideração.

el secreto de la flor dorada pdf

Boas maneiras entre mulheres

Obviamente, existem muitas regras de cortesia que são apenas cerimoniais. Outros, porém, são fundamentais e não devem ser perdidos. Por exemplo, o bom hábito de despedir-se e despedir-se, agradecer, não interromper o falar, deixar passar primeiro… Pequenos gestos que mostram que está disposto a entrar em sintonia com os outros.

A este respeito, é oportuno sublinhar a importância de um bom hábito que agora se perdeu e que tem a ver com o telemóvel. A menos que você esteja esperando uma ligação urgente, a melhor coisa a fazer é deixar o celular longe do nosso campo de ação e visão , para que não nos distraia. Certamente não perderemos nada de importante se deixarmos o telefone de lado por um tempo. Na verdade, só poderíamos nos beneficiar com isso.

Aprenda a controlar a raiva

Gerenciar a raiva, como todas as outras emoções, é outro hábito que você aprende. Existe uma regra de ouro que pode nos ajudar em momentos de grande raiva: você só precisa fazer três coisas, ou seja, não dizer nada, não fazer nada e permanecer calmo. Isso é tudo. A raiva certamente não tornará mais fácil resolver o conflito.

libros de psicología para entender a las personas

Como em outros casos, é só treinar. Essa atitude é adquirida com a repetição. Só temos que esperar que parte da energia que leva a essa emoção se dissipar, o suficiente para transmitir a mensagem da melhor forma para nós e para o relacionamento. Da mesma forma, transmitiremos uma mensagem de autocontrole e mostraremos respeito por nós mesmos e pelos outros.

As relações interpessoais podem se deteriorar, na maioria dos casos devido à má gestão de vamos para . Quando essa emoção toma conta de nós, mostramos nosso pior lado, passando a ser muito cruéis principalmente com as pessoas que amamos, pois são também as pessoas cujas fraquezas conhecemos melhor.

Mulheres em harmonia

Tudo (ou quase tudo) está nos detalhes

Existem algumas atitudes, ou pequenos detalhes, que aumentam significativamente a qualidade das relações interpessoais. São gestos simples que falam de nobreza e boa disposição para com os outros. Incorporá-los ao nosso jeito natural de ser é uma ótima ideia. Entre esses gestos encontramos:

  • Elogio sincero: normalmente não temos o hábito de compartilhar nossos pensamentos positivos sobre os outros, mas fazer isso é sempre uma grande fonte de satisfação;
  • Chamar pessoas pelo nome;
  • Que a importância de um problema seja estabelecida pela pessoa que o está vivenciando;
  • Em uma polêmica, indique ao outro que valorizamos seu ponto de vista e que queremos entendê-lo;
  • Mostre interesse no que o outro sente;
  • Não tente mudar a maneira como os outros pensam.

O bom relacionamento interpessoal é resultado do esforço. Embora algumas pessoas venham ao mundo com uma predisposição maior para uma interação fácil com outras, todos nós temos que aprender. Isso é especialmente verdadeiro quando temos uma longa história marcada pela dificuldade em compartilhar a longa lista de conflitos que vivemos.

Se pudermos melhorar a qualidade de nossos relacionamentos interpessoais, todos os aspectos de nossa vida serão beneficiados. Isso, por sua vez, aumentará a autoconfiança e a sensação de bem-estar geral. Quando nossas interações com outras pessoas são construtivas, nos sentimos mais motivados e felizes.

Empatia: colocar-se no lugar dos outros

Empatia: colocar-se no lugar dos outros

Empatia é a capacidade que um indivíduo possui de perceber ou interpretar o que a outra pessoa pode sentir ou, talvez, até pensar.